Papa Francisco declara sua crença na doutrina da salvação universal

PapaPopDurante sua homilia na missa da última quarta-feira (22) no Vaticano, papa Francisco sacudiu o mundo ao declarar sua crença na salvação universal, que defende que toda a humanidade será salva no Juízo Final, inclusive os ateus. Ele enfatizou a importância de “fazer o bem” como um princípio que une toda a humanidade, e uma “cultura de encontro” para apoiar a paz. Em seu sermão, ele disse: “O Senhor nos criou à sua imagem e semelhança, e todos somos imagem do Senhor. Ele faz o bem e deu a todos esse mandamento em nossos corações: façam o bem e não o mal. (…) O Senhor redimiu a todos pelo sangue de Cristo: todos nós, não apenas católicos. Todos! – ‘Mas, padre, os ateus também?’ – Todos! (…) Devemos fazer o bem uns aos outros. – ‘Mas eu sou ateu, padre. Eu não acredito…’ – Faça o bem: nos encontraremos lá!”.

Respondendo à homilia do líder da igreja católica romana, o padre James Martin escreveu em um e-mail ao The Huffington Post: “O papa Francisco diz, mais claro que nunca, que Cristo se ofereceu como um sacrifício por todos. Essa sempre foi uma crença cristã. No entanto, raramente você ouve isso ser dito por católicos com tanta força, e com tão evidente alegria. E nessa época de controvérsias religiosas, é um lembrete oportuno que Deus não pode ser confinado a nossas estreitas categorias”. É claro que nem todos os cristãos acreditam que os não-crentes (inclusive ateus) serão redimidos. Por isso, a afirmação do papa tem gerado muita polêmica no mundo todo.

Publicado originalmente no Huffington Post (via: Pavablog).

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta:

%d blogueiros gostam disto: