Ariano Suassuna (in vitae)

ariano_suassuna_calypso

Ariano Suassuna não morreu. E isso não é uma frase utópica de um fã inconformado, como a que se refere a Elvis. Ariano realmente não morreu: continua vivinho da silva, do alto de seus 87 anos muito bem vividos. Mas o escritor e dramaturgo paraibano passou por maus bocados na noite de ontem (21) em Recife, quando foi internado às pressas depois de um AVC hemorrágico. Ele continua na UTI, mas seu quadro, segundo os médicos, é estável (veja a notícia completa aqui). Muito contra a nossa vontade, temos de admitir que Ariano (que eufemismo usar?) já está arrumando as malas. Ele já deixou para trás quase nove décadas e sofreu esse AVC ontem. Para um homem de sua idade, mesmo com a força do sertanejo, uma recuperação total é muito difícil. Antes que ele morra (desisti dos eufemismos), quero prestar-lhe a singela homenagem de simplesmente mencionar aqui o meu apreço e desejo sincero de que ele parta em paz.


ATUALIZAÇÃO EM 23/07/2014:

Ariano Suassuna (in memoriam)

Não tem mais jeito. O poeta morreu. Cumpriu sua sentença. Encontrou-se com o único mal irremediável: aquilo que é a marca do nosso estranho destino sobre a terra, aquele fato sem explicação que iguala tudo o que é vivo num só rebanho de condenados, porque tudo o que é vivo morre. Falando assim, bonito desse jeito, parece até que posso ouvir todos os joões grilos do mundo – agora todos órfãos – replicando: “Tudo o que é vivo morre. Está aí uma coisa que eu não sabia! Bonito. Onde foi que você ouviu isso? De sua cabeça é que não saiu, que eu sei”. A cada um deles eu seria forçado a admitir: Saiu mesmo não, João. Isso só podia ter saído da cabeça de Ariano, o nosso mestre da voz rouca, e ganhado o mundo na boca de um dos seus personagens mais queridos na sua obra mais famosa: Chicó, em O Auto da Compadecida.

Ariano Suassuna morreu


ATUALIZAÇÃO EM 10/09/2017:

Coletânea de vídeos de Ariano Suassuna

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta:

%d blogueiros gostam disto: